A divina maravilhosa na Virada

Gal Costa canta na Virada -  Daia Oliver/ R7

Não tenho dúvidas de que se ouvisse o show de Gal Costa em um ambiente fechado aproveitaria muito mais. Mas quem disse que eu não desfrutei? Durante apresentação na Virada Cultural, no último sábado (18), Gal mostrou à imensa multidão seu show “Recanto”.

A nova turnê da cantora contempla alguns sucessos de sua carreira com as músicas novas do disco produzido por Caetano Veloso, assim como o show.

Pra começar a animar o público, Gal cantou “Divino Maravilhoso”, um dos hinos do Tropicalismo. “São Paulo é minha cidade também.  A cidade onde tudo começou, onde o Tropicalismo começou”, disse.

Depois, vieram “Baby”, “Vapor Barato”, “Meu Bem, Meu Mal”, “Folhetim”, “Barato Total”,  misturadas às novas canções. Em “Um Dia de Domingo”, que interpretava com Tim Maia, Gal conseguiu imitar o timbre de voz do cantor já falecido e seus trejeitos. O público foi ao delírio.

Com tanta presença de palco, tanta volúpia e sensualidade em um vestido preto, o show de Gal Costa sagrou-se como um dos melhores da Virada deste ano.

Antes de ir embora, porém, ela deixou todos com gostinho de “cravo e canela” na boca cantando o tema da minissérie “Gabriela”.

Ousado o desafio de adaptar um show feito para lugares fechados para ao ar livre, sem abrir mão da banda maravilhosa, que conta com Pedro Baby. Uma ousadia que deu certo. Mas tenho a certeza de que se estivesse em um lugar fechado ouviria muito mais as nuances do show delicado de Gal. A beleza ficou por conta da voz, repertório e do ícone.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s